3 de janeiro de 2013

Vamos falar de dinheiro sim!

Imagem via Sweet Paul.

Ano novo, vida nova, contas e dívidas velhas e que nunca acabam? Não! Aproveitando que estamos cheias de energia para recomeçar a vida, cheias de planos, decidi abordar um assunto crucial para nossas realizações: Dinheiro. 

A gente aprende desde pequena que é feio falar de dinheiro. Em se tratando de mulheres então, pior ainda. Dinheiro não é assunto para moças educadas e finas. Tem mais: "Dinheiro é sujo" e "dinheiro não traz felicidade" são outras "verdades" que nos são apresentadas desde cedo. 

Pois é, esse aprendizado e postura que assimilamos desde a infância acaba por nos custar um monte de dinheiro no futuro, em nossa vida adulta, devido a falta de uma educação e organização financeira realista e madura por parte de nossas famílias, e até mesmo da escola. 

Conversando com várias amigas - esse post é direcionado para as mulheres - escuto sempre os casos de endividamento no cartão de crédito, estouro de cheque especial, despreparo quanto ao futuro, desconhecimento a respeito de planos de previdência privada, dúvidas e desorganização no que se refere a planilhas de controle de orçamento. Em outras palavras, para uma parcela das mulheres, lidar com dinheiro é uma coisa muito complicada, que acaba sendo delegada ao pai, ao gerente do banco ou ao marido. Algumas mulheres, profissionais bem sucedidas e que se dizem independentes, no fundo, guardam a angústia da desordem e insegurança financeiras. 
  
Talvez a psicologia tenha ferramentas para nos ajudar a lidar com esses medos e padrões comportamentais que internalizamos na infância. Porém, conversar sobre dinheiro, finanças, estratégias e técnicas de organização financeira pode nos ajudar muito a "tirar o pé da lama" e nos dar mais segurança e tranquilidade no nosso dia-a-dia. Enfim, trocar nossas experiências pode ser um ótimo empurrão para começarmos - de uma vez por todas e aproveitando o novo ano que se inicia - a nos responsabilizar por nossa vida financeira. 

Eu venho me debatendo com esse aspecto da vida há anos. Desde que comecei a trabalhar na área de Moda, com carteira assinada, eu passei a me interessar pelo assunto.  Como poupar, onde investir, como equilibrar as contas, como ter controle do dinheiro. Isso já faz aproximadamente sete anos e confesso que foi um caminho tortuoso, e que poderia ter sido bem mais tranquilo se eu tivesse tido alguma orientação. Descobrir sozinha o caminho das pedras nunca é fácil. Mas, pelo menos, hoje posso compartilhar com vocês minhas experiências através desta nova seção do blog: FINANÇAS

Aqui vou contar para vocês um pouco de como faço para me organizar, vou dar dicas de livros de finanças que podem ajudar a você também. Espero a participação de vocês. Conversando a gente se ajuda muito.


Um comentário:

  1. Dicas para colocar as finanças em dia são bem vindas. ô coisa para dar dor de cabeça. Estarei ansiosa esperando suas dicas.
    Abraços!!

    Josy Santos

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário, opinião, dúvida, sugestão ou crítica. Seja educado e será lido com toda a minha atenção. Utilize esse espaço para se comunicar, interagir e trocar experiências com a autora do blog.