14 de novembro de 2010

O que tem do seu ladinho?

Mesinhas de Cabeceira ou Criado-Mudo. Como queiram. Eu quero mesmo é saber o que você tem do seu ladinho. Aquelas coisas preciosas e queridas que, antes de dormir, damos uma última olhadela para elas. Os objetos dispostos em mesinhas de cabeceira dizem muito sobre a pessoa e seu hábitos, seu modo de vida. Já repararam? Ah, não?! Pois eu reparo.

Minha mesa de cabeceira é rendonda e isso me dificulta um pouco na hora de dispor os objetos. Mas vamos lá: Paninho com renda de bilro que eu trouxe lá do Nordeste quando fui visitar meus pais. Livros e Moleskines (vários como vocês podem ver, é vício). O castiçal foi presente de uma amiga e veio da Itália, virou porta-lápis romântico. Às vezes guarda também um par de brincos. São Jorge Guerreiro (em flocado vermelho, comprei na Imaginarium), me protege contra os inimigos visíveis e invisíveis. Infalível. Nossa Senhora, presente de minha Mãe, que vela meu sono. Miniatura de Torre Eiffel, para lembrar todas as noites que "Sempre haverá Paris".


E o relógio (não é vintage de verdade, confesso. É estilo retrô. Mas gostei tanto dele, acho que isso é o que importa). Aquisição recente em Londres, da Urban Outfitters, mas você encontra em outros lugares, até aqui no Brasil. Acho que virou moda.
Eu tinha o hábito de deixar o celular na cabeceira como relógio. Mas ele destoava tanto no meio de todas essas coisas. E, como o tempo é algo muito presente nos nosso dias, pensei que precisava transformá-lo em algo belo, prazeroso e não paranóico. Vi esse relógio e achei que ele me levaria a ver as coisas diferentemente. Ele tem uma tampinha de metal toda trabalhada. O tempo, precioso, fica guardado lá dentro. Para consultá-lo você precisa abrir a tampinha. Gostei disso. Arrematei.

E você? Me conta o que tem na sua mesinha de cabeceira, vai!

Um comentário:

  1. Na minha tem uma luminária antiga de vovô, que "patinei" de magenta na época do cetiqt, uma pilha de livros (culpa sua! rs!), um quebra-cuca com a foto do quadro "O Beijo" do Klimt, meus óculos, um porta-celular de gato da Tok&Stok verde, um porta-fotos daqueles de "jacaré" e base de acrílico com uma flor dentro da Imaginarium, e os controles da tv. Tudo cartesianamente arrumado (a louca)!

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário, opinião, dúvida, sugestão ou crítica. Seja educado e será lido com toda a minha atenção. Utilize esse espaço para se comunicar, interagir e trocar experiências com a autora do blog.